Desratização

Desratização

Os roedores são transmissores potenciais de, aproximadamente, 32 doenças aos animais e ao homem (zoonoses), como por exemplo: salmoneloses, leptospirose, coccidiose, sarna e micoses, hantavirose, tifo, etc. Também podem veicular ácaros e outros ectoparasitos. A desratização vai resolver esse problema.

Os ratos são responsáveis por grandes prejuízos, causando perda econômica com danos em instalações e equipamentos (maquinários com roeduras, podendo gerar curto-circuito) e prejuízo no armazenamento de ração e insumos devido à roeduras, consumo e contaminação com fezes, pêlos e urina, podendo chegar a uma perda de 10% da ração total consumida pelos animais ali criados.

Diferenças entre roedores

RATAZANA OU RATO-DE-ESGOTO: A coloração pode variar do castanho ao preto, uniforme ou com manchas. Mede de 21 a 26 cm de comprimento, a cauda é grossa de tamanho igual ou mais curto que o corpo. Pesa de 350 a 460 g., com orelhas curtas e relativamente peludas. Os pés apresentam membrana interdigital. Vive em média 2 anos e seu período de gestação dura cerca de 28 dias, com 3 a 4 ninhadas por ano e uma média de 8 filhotes por ninhada. As fezes são grossas.

RATO-PRETO OU RATO-DE-TELHADO: Geralmente apresenta coloração preta, mede entre 19 e 22 cm de comprimento, cauda fina, mais longa que o comprimento do corpo, e pesa de 230 a 300 g. As orelhas são longas, quase sem pêlos, e seus pés apresentam membrana interdigital. Vive em média 1,5 ano, o período de gestação é de 28 dias, com 3 a 4 ninhadas por ano, com 3 a 9 filhotes cada. Suas fezes são finas e terminadas em pontas afiladas.

CAMUNDONGO: A coloração pode variar bastante. Mede entre 6 a 9 cm de comprimento, cauda fina e longa e pesa entre 15 e 20 g. As orelhas são relativamente grandes e translúcidas (sem pêlos) e não apresentam membrana interdigital nos pés. Vive em média 1 ano, com período de gestação de 21 dias, com 4 a 5 ninhadas por ano e 4 a 10 filhotes por ninhada. Suas fezes são finas e terminadas em pontas afiladas, porém de tamanho bem reduzido, podendo até ser confundidas com fezes de baratas.

De acordo com a espécie de roedor e local de infestação utilizamos o número adequado de Posto de Proteção de Isca/m² para o controle ou prevenção, em conjunto utilizamos os seguintes produtos:

  • Iscas Peletizadas: São aplicadas em tocas de roedores, debaixo de móveis, utensílios e equipamentos, forros, pisos falsos, caixas de inspeção de cabos elétricos, dentro de comedouros, e no que denominados de anel sanitário que consiste na aplicação das iscas ao redor da empresa, com o intuito de formar uma barreira para a entrada dos roedores.
  • Iscas em blocos parafinados: São utilizados principalmente em locais onde a umidade é elevada como esgotos, bocas de lobo, vestiários, sanitários, cozinha entre outros. O bloco possui vantagens, pois sua vida útil aumenta em função da parafina que esse contém.
  • As iscas são geralmente aplicadas e fixadas para facilitar as avaliações posteriores no desenvolvimento dos trabalhos dentro do programa.
  • Pó de contato para as tocas encontradas, o pó de contato penetra do roedor causando hemorragia interna.
  • PPC – Posto de Proteção de Cola contendo um atrativo para a aproximação dos roedores.

Desratização caseira – Medidas preventivas para afastar ratos

  • Evitar guardar objetos dentro de caixas de papelão e caixotes;
  • Manter sempre o ambiente limpo e o lixo colocado dentro do lixeira tampada;
  • Não deixar rações de animais do lado de fora de casa principalmente a noite.
  • Caso tenha buracos em forros ou telhado feche-os para evitar que esses se abriguem no local.

Precisando de auxílio com os roedores nos contacte através do 4498-4364 ou Whatsapp (11) 94213-0620.

Fale Conosco

Estamos sempre prontos para melhor atendê-los.

Solicite um orçamento